quarta-feira, 28 de janeiro de 2015

Água quente para beber


Você certamente já ouviu falar que chinês bebe água quente, porém provavelmente não tenha nenhuma explicação convincente (ou verdadeira) para o fato. Vamos lá descobrir?

Quando se pede um copo de água em qualquer restaurante, bar, lanchonete ou café na China, ela vem quase fervendo, em temperatura de chá. Caso você se aventure e ouse pedir um copo de água gelado, o garçom certamente vai lhe olhar como se você estivesse pedindo veneno para tomar voluntariamente.

Para as crianças, desde de muito pequenas, é dito que água quente (kai shui) é simplesmente bom para saúde. Apesar dessa explicação não ter nenhuma comprovação científica, a crença é profundamente enraizada na cultura chinesa e o hábito de beber água quente é um costume secular originado da necessidade de ferver a água antes de consumí-la.

Não tem muitas décadas que a água engarrafada se tornou acessível na China. Antes disso, a população dependia da água da torneira ou de poços. Sem um sistema de fornecimento de água segura, a água deveria ser fervida para evitar bactérias prejudiciais à saúde. Como a água encanada ainda não é liberada para beber (assim como no Brasil, onde não bebemos água da torneira), servir água quente é garantir a certeza de uma água esterilizada!

Por outro lado, líquidos frios são considerados, ainda atualmente, pouco saudáveis e potencializadores de danos ao sistema digestivo. Certa vez, minha médica de TCM (Traditional Chinese Medicine) me perguntou se em uma máquina quente, em funcionamento (meu corpo), eu seria capaz de jogar um copo de água gelada. Assim dá para entender quando eles falam em "dano ao sistema digestivo".

Para as mulheres, em particular, as bebidas frias são tidas como causadoras de choque no equilíbrio da energia interior do corpo e especialmente do útero. A TCM defende que líquidos gelados, quando ingeridos, drenam de você a sua energia corporal. Ao tomar água fria, o seu organismo levará um tempo, tentando aquecer a água que você tomou e perdendo força e energia, nesse trabalho em vão, tentando fazer com que o líquido fique na mesma temperatura interna do seu corpo e possa ser utilizado.

No entanto, a água quente não é somente a opção mais segura e saudável, ela também é tida, na China, como uma cura mágica para TUDO! Dizem que você só é chinês de verdade quando passa a acreditar no poder de cura da água quente. Já ouvi até um chinês dizer que se você tomou água quente e não ficou curado (seja lá de que doença for), é porque você não bebeu o suficiente! Os médicos da TCM acreditam que a água quente ajuda a neutralizar as toxinas do corpo, ativam a circulação sanguínea e melhoram a pele.

Também é dito que bebidas quentes diluem a gordura e ajudam a digestão da comida chinesa, muito rica em gordura. A ciência continua a afirmar que os ácidos do estômago quebram a gordura e regulam a temperatura interna do corpo não importando a temperatura da sua bebida. Enquanto oriente e ocidente discordam, eu confesso a vocês que no inverno eu tomo SIM água quente, e no verão, a minha água é natural, da geladeira, NUNCA! Acho que eu tô virando chinesa!

P.S.: Na minha água quente da foto acima eu coloquei umas mini rosas. Além de serem lindinhas, elas dão perfume e gosto bons para sua água!

quinta-feira, 22 de janeiro de 2015

Almoço de Aniversário

Domingo passado foi meu aniversário! Tive um dia super legal com minha família, café na cama, restaurante favorito para almoço, passeio no Bund, presentes, massagens e o melhor de tudo, estar com três filhotes, paparicando e fazendo todas as vontades da mamãe!

Fomos almoçar no Lost Heaven, comida chinesa de Yunnan, região do sul do país. Assim como Brasil, a China, por ser muito grande, tem uma culinária muito diversa. Não se pode generalizar e dizer que se conhece comida chinesa sem ter experimentado pratos de pelo menos 8 regiões diferentes da China.

A comida de Yunnan é apimentada e um pouco mais parecida com a idéia que se tem no Brasil de comida chinesa. Por já ficar mais no sul, tem um pouco da influência da comida tailandesa, com o uso de temperos e condimentos mais tropicais, como o lemon grass, as pimentas e as frutas como coco e manga. Enfim,  é deliciosa e o restaurante é um excelente exemplar da culinária da região! 

Depois fomos tomar sorvete na Haagen-Dazs, porque na minha família todo passeio acaba por lá. Em seguida fizemos um passeio no Bund. Fiz um vídeo curtinho durante o passeio pois sei que vocês também adoram ver a rua, o lado de fora da minha casa!



 


 








Tirei foto do banheiro!

Vejam o detalhe das flores na água em torno da pia

Vista da janela da minha mesa no restaurante


Meu sorvete preferido!!!! Já devem ter umas mil fotos dele aqui no blog!










terça-feira, 13 de janeiro de 2015

La Boqueria

Falta pouco para eu contar tudo que pensei em dividir com vocês aqui no blog sobre Barcolena. Para o post de hoje ficou um dos meus lugares preferidos na cidade: La Boqueria!

O Mercado de La Boqueria é um ponto turístico, mercado, lanchonete, bar, restaurante e ponto de encontro de turistas e moradores da cidade. Tudo bem que para fazer feira o morador da cidade deve preferir algo mais barato e menos movimentado, mas não há como questionar a eficiência do abastecimento e diversividade do Mercado.

O colorido das frutas e vegetais, os frutos do mar fresquinhos, a conversa cotidiana de moradores locais, o cheirinho da comida dos restaurantes e o aroma das lojas de especiarias me fariam ficar naquele lugar pelo dia inteiro! Por isso acabei voltando, várias, inúmeras vezes ao Mercado com pretextos diferentes de comprar algo esquecido.









 

















 

Vejam o que eu encontrei por lá!